Estive ontem à noite no HAOC, novamente.

Identificamos pessoas esperando por horas antes do primeiro atendimento. Uma senhora teve que trazer de carro sua mãe com princípio de AVC, após esperar 40 minutos para tentar uma ambulância. Dezenas de pessoas apresentavam sintomas de dengue, enfim. Um cenário muito preocupante.

Constatei que o serviço de acolhimento noturno ainda não foi implementado.

Questionaremos novamente o Sr. Prefeito para que tome uma atitude imediata em relação ao Hospital Augusto de Oliveira Camargo (HAOC). É preciso melhorar a gestão, a eficiência e viabilizar maiores investimentos. No fim das contas, como está, o resultado é a falta de médicos e profissionais no horário de maior demanda.

haoc

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *